Supla – Menina Mulher – 2004

Menina Mulher: disco do Supla de 2004

Menina Mulher: disco do Supla de 2004

Colaboração de Adriano Matos

Supla. Esse cara caricato e carismático, que todos gostam de… de… enfim, de ignorar. Depois de “Garota de Berlim” e “Japa Girl”, Piores Clipes e Casa dos Artistas, ele lançou um disco de covers muito divertido: Menina Mulher conta histórias de várias mulheres, de todas as cores, de várias idades e de muitos amores em todas as suas faixas, em cima de grandes clássicos. Elvis Presley, Billy Idol, Blondie, Pat Benatar e mais uma galera se “reúnem” neste disco, na voz de Supla, para contar histórias de traições, romances, amores e lances.

Continuar lendo

Anúncios

O Rappa – O Silêncio Q Precede o Esporro – 2003

O Silêncio Q Precede o Esporro, disco d'O Rappa de 2001

O Silêncio Q Precede o Esporro, disco d’O Rappa de 2003

Por Marcos Lauro

O desafio aqui era grande. O Rappa já era uma banda consolidada no cenário nacional, mas perdia o seu líder e principal compositor. Depois do atentado a Marcelo Yuka, que o deixou numa cadeira de rodas, a banda decidiu tirá-lo do time. Independente do juízo de valores (e quem viu tanto o documentário quanto leu o livro de Yuka, e suas repercussões, tem a sua opinião sobre o fato), foi um baque. Afinal, da mente de Yuka tá tinham vindo hits que rechearam os quatro discos anteriores da banda.

Continuar lendo

Almôndegas – Almôndegas – 1975

Almôndegas

Almôndegas: disco dos Almôndegas, de 1976

Colaboração de Malcon Fernandes

Folk com cheiro de campo e de música regionalista, muito som de viola, ainda que tenham influências do rock n’roll e com pés no Rio Grande do Sul. Em especial, na linguagem gaúcha.

Essa seria a frase certa para definir o grupo Almôndegas, formado em 1972 pelos irmão Kleiton e Kledir Ramil, vindos de Pelotas, do sul do Estado e se juntando com o primo Pery Souza e os amigos Gilnei Silveira e Quico Castro Neves.

Continuar lendo

Legião Urbana – Dois – 1986

Legião Urbana

Dois: disco da Legião Urbana, de 1986

Colaboração de Carolina Serpejante 

Todo fã de Legião Urbana é chato. Você sabe disso. Eu sei disso. Mas eu não ligo e vou prosseguir sendo chata e tagarelando sobre essa banda puro amor – ainda que Renato Russo também fosse um pé no saco.

Falar de Legião Urbana é de cara pensar nos hits clássicos, como Eduardo e Mônica, “Será”, “Que País é Esse?” e Tempo Perdido. Dificilmente nos vem à cabeça um álbum completo que não seja uma coletânea pré ou pós a morte de Renato Russo.

Continuar lendo

Paralamas do Sucesso – Selvagem? – 1986

paralamas do sucesso selvagem

Selvagem?: disco dos Paralamas do Sucesso, de 1986

Colaboração de Rafael Figura

Tenho MUITAS ressalvas em relação ao “movimento” do rock brasileiro dos anos 80. Não compro a rebeldia de condomínio de filhos de diplomatas e tampouco me deixo seduzir pela aura romântica pintada por alguns quarentões precocemente nostálgicos.

Continuar lendo

Raimundos – Raimundos – 1994

Raimundos

Raimundos: disco dos Raimundos, de 1994

Por Marcos Lauro

Um dos discos mais chulos, baixos, apelativos, porcos, desrespeitosos e podres da história do rock and roll nacional… e, justamente por isso, um dos mais brilhantes.

A estreia dos Raimundos em disco é uma pérola da década de 1990 e que influenciou uma geração de roqueiros brasileiros. A mistura de forró com rock nem era uma novidade, mas não era usada com êxito já há um bom tempo… isso fez com que uma série de outras bandas seguisse esse caminho e até se falasse de um gênero, um movimento: o forrock.

Continuar lendo

Roberto Carlos – Roberto Carlos Em Ritmo de Aventura – 1967

Roberto Carlos Em Ritmo de Aventura

Roberto Carlos Em Ritmo de Aventura: disco de Roberto Carlos, de 1967

Por Marcos Lauro

Se Elvis Presley e os Beatles, além do estrondoso sucesso na música, já eram estrelas dos seus próprios filmes, porquê o nosso rei, Roberto Carlos, também não se aventuraria pelas telonas?

Para a sua estreia, Roberto contou com a direção do seu xará, Roberto Farias. O filme faria jus ao nome e colocaria Robertão em diversas enrascadas, todas sem dublê. Uma das cenas mais famosas é a que mostra Robertão sobrevoando a cidade do Rio de Janeiro de helicóptero – e passando, inclusive, por dentro de um túnel.

Continuar lendo

Rafael Castro e Os Monumentais – Maldito – 2008

Rafael Castro e Os Monumentais

Maldito: disco do Rafael Castro e Os Monumentais, de 2008

Por Marcos Lauro

O que um jovem de 22 anos de Lençóis Paulista, interior de São Paulo, faria ao se ver trancado sozinho em seu quarto? Um disco, claro. Maldito é o segundo disco de Rafael Castro e conta com Os Monumentais somente nas apresentações ao vivo. Ou seja, Rafael toca todos os instrumentos e faz todos os vocais das 18 faixas.

Continuar lendo

Los Hermanos – Los Hermanos – 1999

Los Hermanos

Los Hermanos: disco dos Los Hermanos, de 1999

Por Marcos Lauro

A década de 1990 foi rica para a música pop brasileira. Cheia de novidades como Chico Science, Nação ZumbiRaimundosCharlie Brown Jr… a molecada – e um tanto dos adultos – estavam representados nos palcos. Outra dessas novidades era o Los Hermanos. Mas mal sabíamos que justamente aquela banda que misturava hardcore com temas boêmios seria a ruptura.

Continuar lendo

Ultraje a Rigor – Nós Vamos Invadir Sua Praia – 1985

Nós Vamos Invadir Sua Praia Ultraje a Rigor

Nós Vamos Invadir Sua Praia: Ultraje a Rigor, de 1985

Colaboração de Paulo Rezende

Um álbum que é um clássico do Rock N’Roll Nacional. Um disco que não somente contém os maiores clássicos do Ultraje A Rigor como também refletia completamente a época em que foi gravado.

Continuar lendo